O que aprendi com a depressão e ansiedade

A depressão e ansiedade pega cada um de um jeito. Algumas (muitas) vezes, será possível ver de pessoas próximas, mais compreensão com essas situações acontecendo com estranhos ou outros não muito próximos, do que com quem está perto. Pode ser que você escute que a situação da outra pessoa é lamentável e que esse mesmo emissor te trate como se a sua fosse frescura. Nesses dias, será preciso ter uma força extra. Vai dar vontade de guardar pra si mesmo que tem algo errado, mas tudo bem, não precisa gritar para o mundo, apenas saiba com quem contar e acima de tudo, aprenda a contar mais com si mesmo.

Aprendi que buscar ajuda pode ser extremamente difícil, mas quando conseguimos de fato, é transformador, especialmente quando no dispomos a ajudar outras pessoas também. É uma troca de aprendizado e empatia. Aprendi que se fortalecer interiormente é algo que carrega um poder enorme, ter uma mente saudável deveria ser uma prioridade cada vez mais constante na vida das pessoas, digo isso por ter aprendido também que quando sua mente está um caos, isso pode comprometer tudo na sua vida, relações, trabalho, produtividade, ânimo, tudo mesmo!

Aprendi muito e ainda tenho muito o que aprender. Aprendi que pode ser que você sinta no começo uma falta esmagadora de quem você era, mas que é preciso ter calma para lidar com o momento atual e digerir tudo. Aprendi que os remédios levam tempo para mostrar algum efeito, que cada organismo reage de forma diferente e é preciso buscar aquele que você se adapte melhor. Nessa trajetória, contar com um médico que te dê confiança e mostre consciência das particularidades da sua situação, é essencial. 

Por falar nisso, aprendi que falar "psiquiatra" para as pessoas, faz com que muitas vezes elas te olhem diferente, seja de uma forma incompreensiva, assustada ou de desconfiança se você precisa mesmo disso. Afinal, aprendi também que muitos querem dar palpite, mesmo sem muito conhecimento, até dicas de remédio que já leram na internet ou soube que um amigo de um amigo daquele amigo tomou, querem dar. Vai ser necessário ter uma força enorme para passar por isso.

Aprendi que respirar fundo tem um poder surpreendente. Ouvi dizer que era fácil controlar, que frescura era a palavra mais relacionada. Falaram que deveria sair, não me isolar e pensar em coisas boas. Outro dia mesmo, ouvi que era só se acalmar. Foram tantas coisas, tantas palavras que tornaram-se difíceis de reproduzir. Quanto mais eu escutava, mais percebia que ninguém diria nada que realmente chegasse perto de me ajudar. E quer saber? Também temos que lidar com isso e por mais que seja difícil, compreender que é uma situação tão nossa, tá tão ali colado no peito, que não dá para se zangar com cada palavra dita que não tem a ver com a realidade. Alguns só querem ajudar, mas não sabem como. Outros, querem ajudar, mas não conseguem entender. Aí vem aquela parte que age como se não fosse nada, essa, sem dúvidas, é a que mais machuca.

Não tenho vergonha. Só lamento pela falta de empatia alheia, mas aí, já não é problema nosso, né?Precisamos falar a respeito, precisamos tentar ajudar, precisamos, no mínimo, ter mais amor com o próximo e olha só, ele não precisa ter depressão, nem nenhuma doença para que isso ocorra. É fácil falar "estou aqui", mas é difícil aguentar quando tudo aperta, quando a pessoa não tem forças para levantar, quando ela está em dias intermináveis e com a cabeça prestes a explodir. Seja mais amor com quem está contigo na sua trajetória, não só nos momentos ruins ou quando souber de algo assim. Aprendi que independente do que carregamos no peito, todo mundo precisa do bem.

Sou grata, principalmente, por ter aprendido que é preciso olhar para si mesmo e perceber que você NÃO É a ansiedade e a depressão, não se rotule como uma pessoa depressiva e com transtorno de ansiedade. É algo que você tem e precisa lidar, tratar, trabalhar todo santo dia, mas mesmo assim, por mais que pareça uma eterna luta diária, acredite, sua vida NÃO se resume a isso. Não permita que isso aconteça. Somos muito MAIS que qualquer obstáculo. Jamais se esqueça, você é mais.

You May Also Like

0 comentários